segunda-feira, 27 de abril de 2009

Não esperava vê-lo


As luzes da urbe confusas como minha mente. Fantasma do passado volta e me encontra no elevador. Olho para os lados mas não consigo encarar o fantasma. Ele sorri para mim e pergunta como estou. Quero que ele se dissolva em meu corpo...me envolva...me dê êxtase. Tenho que partir. As portas do elevador se fecham levando meu fantasma consigo. Ele voltará a me assombrar?

Nenhum comentário: