quarta-feira, 13 de abril de 2011

Palavras que nunca vêm

É difícil quando a distância é separada por apenas uma palavra. Uma palavra que poderia ser um substantivo, um verbo, um adjetivo carinhoso, qualquer coisa. Uma palavra que poderia mudar o mundo de alguém. De um mundo obscuro para um mundo com adrenalina em excesso. Afinal, palavras são poderosas.
Mas ... a palavra não foi escrita, muito menos dita. Foi escondida e silenciada.
A vida do "alguém" não mudou. Continuou no obscuro desejo de ver um simples conjunto de letras que poderia ter sido mágico. Foi trágico.

Nenhum comentário: